Arquivo da categoria: Academia Brasileira de Letras

Academia Brasileira de Letras – Patronos

>

Em mais uma postagem sobre a ABL, falaremos agora dos patronos.
Para cada uma das quarenta cadeiras, os fundadores escolheram os respectivos patronos, homenageando personalidades que marcaram as letras e a cultura brasileira, antes da fundação da Academia.
Foi uma inovação. A Academia Francesa, que servira de modelo, instituíra as cadeiras, mas atendendo apenas a uma numeração de um até quarenta. A escolha desses patronos deu-se de forma um tanto aleatória, com sugestões sendo feitas pelos próprios imortais.
Os patronos das 40 cadeiras são:
Adelino Fontoura, patrono da cadeira nº 1
Álvares de Azevedo, patrono da cadeira nº 2
Artur de Oliveira, patrono da cadeira nº 3
Basílio da Gama, patrono da cadeira nº 4
Bernardo Guimarães, patrono da cadeira nº 5
Casimiro de Abreu, patrono da cadeira nº 6
Castro Alves, patrono da cadeira nº 7
Cláudio Manoel da Costa, patrono da cadeira nº 8
Gonçalves de Magalhães, patrono da cadeira nº 9
Evaristo da Veiga, patrono da cadeira nº 10
Fagundes Varela, patrono da cadeira nº 11
França Júnior, patrono da cadeira nº 12
Francisco Otaviano, patrono da cadeira nº 13
Franklin Távora, patrono da cadeira nº 14
Gonçalves Dias, patrono da cadeira nº 15
Gregório de Matos, patrono da cadeira nº 16
Hipólito da Costa, patrono da cadeira nº 17
João Francisco Lisboa, patrono da cadeira nº 18
Joaquim Caetano da Silva, patrono da cadeira nº 19
Joaquim Manuel de Macedo, patrono da cadeira nº 20
Joaquim Serra, patrono da cadeira nº 21
José Bonifácio, patrono da cadeira nº 22
José de Alencar, patrono da cadeira nº 23
Júlio Ribeiro, patrono da cadeira nº 24
Junqueira Freire, patrono da cadeira nº 25
Laurindo Rabelo, patrono da cadeira nº 26
Maciel Monteiro, patrono da cadeira nº 27
Manuel Antônio de Almeida, patrono da cadeira nº 28
Martins Pena, patrono da cadeira nº 29
Pardal Mallet, patrono da cadeira nº 30
Pedro Luís, patrono da cadeira nº 31
Araújo Porto Alegre, patrono da cadeira nº 32
Raul Pompéia, patrono da cadeira nº 33
Sousa Caldas, patrono da cadeira nº 34
Tavares Bastos, patrono da cadeira nº 35
Teófilo Dias, patrono da cadeira nº 36
Tomás Antônio Gonzaga, patrono da cadeira nº 37
Tobias Barreto, patrono da cadeira nº 38
Francisco Adolfo de Varnhagen, patrono da cadeira nº 39
Visconde do Rio Branco, patrono da cadeira nº 40
Anúncios

Academia Brasileira de Letras – Fundadores

>

A Academia Brasileira de Letras é uma instituição fundada no Rio de Janeiro em 20 de julho de 1897 por escritores como Machado de Assis, Olavo Bilac, Joaquim Nabuco e Rui Barbosa.
Composta por quarenta membros efetivos e perpétuos e por vinte sócios estrangeiros, tem, por fim, segundo os seus estatutos, a “cultura da língua nacional”, sendo composta por quarenta membros efetivos e perpétuos, conhecidos como “imortais”, escolhidos entre os cidadãos brasileiros que tenham publicado obras de reconhecido mérito ou livros de valor literário, e vinte sócios correspondentes estrangeiros.
À semelhança da Academia francesa, o cargo de “imortal” é vitalício, o que é expresso pelo lema “Ad immortalitem”, e a sucessão dá-se apenas pela morte do ocupante da cadeira.
O primeiro presidente da ABL foi Machado de Assis, eleito por aclamação e também seu “presidente perpétuo”.
Os fundadores da ABL foram:
Luís Murat fundador da cadeira nº 1
Coelho Neto fundador da cadeira nº 2
Filinto de Almeida fundador da cadeira nº 3
Aluísio Azevedo fundador da cadeira nº 4
Raimundo Correia fundador da cadeira nº 5
Teixeira de Melo fundador da cadeira nº 6
Valentim Magalhães fundador da cadeira nº 7
Alberto de Oliveira fundador da cadeira nº 8
Carlos Magalhães de Azeredo fundador da cadeira nº 9
Rui Barbosa fundador da cadeira nº 10
Lúcio de Mendonça fundador da cadeira nº 11
Urbano Duarte fundador da cadeira nº 12
Visconde de Taunay fundador da cadeira nº 13
Clóvis Beviláqua fundador da cadeira nº 14
Olavo Bilac fundador da cadeira nº 15
Araripe Júnior fundador da cadeira nº 16
Sílvio Romero fundador da cadeira nº 17
José Veríssimo fundador da cadeira nº 18
Alcindo Guanabara fundador da cadeira nº 19
Salvador de Mendonça fundador da cadeira nº 20
José do Patrocínio fundador da cadeira nº 21
Medeiros e Albuquerque fundador da cadeira nº 22
Machado de Assis fundador da cadeira nº 23
Garcia Redondo fundador da cadeira nº 24
Franklin Dória fundador da cadeira nº 25
Guimarães Passos fundador da cadeira nº 26
Joaquim Nabuco fundador da cadeira nº 27
Inglês de Sousa fundador da cadeira nº 28
Artur Azevedo fundador da cadeira nº 29
Pedro Rabelo fundador da cadeira nº 30
Luís Guimarães Júnior fundador da cadeira nº 31
Carlos de Laet fundador da cadeira nº 32
Domício da Gama fundador da cadeira nº 33
Pereira da Silva fundador da cadeira nº 34
Rodrigo Otávio fundador da cadeira nº 35
Afonso Celso fundador da cadeira nº 36
Silva Ramos fundador da cadeira nº 37
Graça Aranha fundador da cadeira nº 38
Manuel de Oliveira Lima fundador da cadeira nº 39
Eduardo Prado fundador da cadeira nº 40